Auto-leitura Primeiros passos

Seu filho cresce e muda todos os dias. Você se alegra com cada nova conquista. Então você aprendeu as letras juntas, aprendeu como adicionar sílabas a elas e, finalmente, seu filho aprendeu a ler. Ler sozinho é uma habilidade muito difícil. Afinal, não é suficiente compor a partir de letras – palavras, palavras, frases e frases – texto coerente. Devemos ainda ser capazes de entender o que foi lido, dominar a idéia principal e o significado. O que vem depois? Claro, a capacidade de ler, por si só, não garante o amor do livro, então você não pode parar no que foi alcançado. É necessário ler a criança em voz alta diariamente, gradual e lentamente, introduzindo-a no processo. Isso geralmente exige que os pais persevere, resista e paciência.

Portanto, o principal aqui não é apressar o bebê. Não acelere os eventos. O que não funcionou hoje certamente funcionará amanhã. É desejável que a auto-leitura se torne diária. Os pais devem aumentar gradualmente a quantidade de texto oferecida à criança. E espere pacientemente por novas conquistas. Aprender a leitura independente é um estágio muito importante na vida de uma criança, por isso temos que ir do simples ao complexo e não esquecer de se alegrar mesmo com um pequeno sucesso.

Para começar, você deve escolher um livro grande e brilhante com letras grandes e fotos, com um enredo simples que ficará claro para o seu bebê. A melhor opção, claro, é um conto de fadas com imagens coloridas, por exemplo “Repka”, “Ryoka Chicken”. Agora à venda, há uma grande variedade de livros para os mais novos. Devemos também lembrar a literatura infantil soviética: A. Barto, S. Marshak e outros autores, com seus lindos poemas infantis – contos de fadas, sobre os quais cresceram e aprenderam a ler mais de uma geração. Afinal, as crianças estão sempre interessadas em ler histórias sobre animais e sobre as mesmas crianças. Esses tipos de livros são ideais para começar a aprender a leitura independente.

E, claro, não devemos esquecer a verificação e recontagem da leitura. Afinal, uma das pequenas alegrias da criança é compartilhar com as novas. Portanto, o desejo do bebê de falar sobre o que ele aprendeu em um livro de leitura independente deve ser incentivado.

Auto-leitura Primeiros passos